Publicado em: Pecuária

De 10 a 17 de outubro de 2015 – durante a 53ª Festa do Boi - foi realizada em Natal (RN) a 13ª Exposição Nacional da Raça Sindi, evento promovido em conjunto pela Associação Brasileira dos Criadores de Sindi (ABCSindi) e pelo Núcleo de Criadores de Sindi do Rio Grande do Norte, contando com o apoio da Associação Norteriograndense de Criadores (Anorc) e da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ). 

Tradicional palco de grandes eventos da raça Sindi, o Rio Grande do Norte sediou pela nona vez a exposição e o leilão oficial da raça. Superando todas as expectativas, a 13ª Exposição Nacional gerou resultados merecedores de registros na história da raça. Com 260 animais puros de origem (PO) inscritos, esta edição foi a maior da história da raça, fato comemorado tanto pelo número recorde de animais quanto pelo alto padrão e qualidade dos animais expostos e avaliados. 
Com uma vasta programação, a 13º Exposição Nacional da Raça Sindi contou a participação de 27 criadores e 24 expositores, tendo recebido a visita e adesão de criadores de diversas regiões do país, o que gerou uma oportunidade para integração, discussões técnicas e trocas de informações.
O julgamento oficial dos animais, que se estendeu por três dias em função do grande número de exemplares inscritos, foi conduzido pelos jurados da ABCZ Marcelo Toledo, José Eduardo dos Anjos e Marcel Araújo Lopes, que foram unânimes em ressaltar o alto nível dos animais expostos, a excelência e a padronização dos conjuntos de progênies e a organização do evento. 
O Grande Campeão foi Capeleto AJCF 199 do expositor Josemar França (RN) e criação de Adáldio José de Castilho Filho (SP); o Reservado Grande Campeão foi Alexander FIV LFBS 15, de exposição e criação da Caroatá Agronegócios S/A (PE); A Grande Campeã foi Condessa WMSS 22, de exposição e criação de Waldemi Marinho dos Santos (RN); já a Reservada Grande Campeã: Espiga FIV CARRIRI, do também expositor Josemar, e criação de Maria do Socorro Martins Lira (CE). O conjunto Campeão Progênie de Pai foi Zelio P – POP 1413, de exposição e criação de Pompeu Gouveia Borba (PB), também criador da Campeã Progênie de Mãe: Zafira P – POP 1398, de exposição da Caroatá Agronegócios S/A (PE).
Além da pista de julgamento o gado Sindi teve, mais uma vez, participação de destaque no tradicional e disputado Torneio Leiteiro da 53ª Festa do Boi, que neste ano contou com a participação de 14 fêmeas da raça. Foram quatro dias de torneio com duas ordenhas diárias. 
A Campeã Fêmea Jovem do torneio foi História RV Rainha, com produção total de 53,715 Kg de leite e média de 15,347 Kg/dia, propriedade do expositor Pompeu Gouveia Borba. A Campeã Vaca Jovem foi Felicidade, do expositor e criador Manoel Dantas Vilar Filho (PB), com produção total de 66,040 Kg de leite e média de 18,869 Kg/dia. Já a Campeã Vaca Adulta foi Aspirina, com produção total de 123,040 Kg de leite e média de 35,154 Kg/dia. Ela foi exposta pela  Caroatá Agronegócios S/A, e é cria de Pompeu Gouveia Borba. 
Ao final da exposição – consideradas as pontuações de pista de julgamento e torneio leiteiro – a 13ª edição da Exposição Nacional da Raça Sindi coroou Pompeu Gouveia Borba como Melhor Criador e Josemar França como Melhor Expositor. Durante a exposição, além dos julgamentos e provas zootécnicas, foram realizados outros três eventos que merecem destaque: o Leilão Nacional Sindi, a 1ª Feira Progenética do RN e a Reunião da Diretoria da ABCSindi. 
Na tradicional noite da quinta-feira, dia 15, ocorreu o 13º Leilão Sindi Estrelas, o Leilão Oficial do Sindi 2015. Foram comercializados 35 lotes de Sindi PO, todos julgados e avaliados durante a exposição, com média acima de R$ 12,9 mil para as fêmeas e de R$ 8,4 mil para os machos. Destaque para a fêmea Duna FIV, comercializada pelo valor de R$ 55,2 mil. Para os promotores do evento, mais importante do que as boas médias obtidas no leilão, foram as vendas realizadas para criadores de diversas regiões do país e, inclusive, por novos criadores, o que mostra a valorização e procura por exemplares da raça Sindi de alta genética.
Paralelamente à exposição nacional, aconteceu a 1ª Feira do Programa Progenética em solo potiguar, destinada a comercialização de tourinhos de raças zebuínas avaliadas e aprovados por critérios técnicos as ABCZ. Foram disponibilizados e comercializados 12 jovens reprodutores Sindi PO para servir rebanhos do próprio estado e também para outros estados do Nordeste.
Fechando a programação oficial, a diretoria da ABCSIndi, comandada pelo seu presidente Ronaldo Bichuete, se reuniu. Fez-se um balanço positivo da 13ª Exposição Nacional e tratou-se de assuntos relevantes da raça, como o planejamento estratégico para ações de fomento e melhoria contínua do Sindi no cenário da pecuária nacional, com especial foco na integração entre os criadores das diversas regiões do país e no apoio à  iniciativas voltadas para a difusão, divulgação e melhoria da raça.
Para comorar o sucesso da exposição, a força da raça e o número recorde de animais expostos, no sábado à tarde, os organizadores do evento reuniram na pista de julgamento do Parque de Exposições Aristófanes Fernandes os 260 exemplares da raça para uma foto histórica e para um especial agradecimento e homenagem aos tratadores dos animais feita pela diretoria do Núcleo de Criadores de Sindi do Rio Grande do Norte.