Publicado em: Pecuária

Tabapuã define os Grandes Campeões da Expo Rio Preto

Terminou em 14 de outubro o julgamento da raça Tabapuã na 56ª Expo Rio Preto, em São José do Rio Preto (SP), com a escolha dos Grandes Campeões da raça. Este ano 103 animais de 06 expositores vindos de quatro estados (MS, SP, RJ e GO) participaram do evento. Na categoria fêmea a Grande Campeã foi CZT Joalheira, do expositor Carlos Otto Laure e outro, a Reservada Grande Campeã  foi Velocidade de Tabapuã, do expositor Fábio Zucchi Rodas e a Terceira Grande Campeã foi Rosário do Gregg, do expositor João Trivelato Neto. Na categoria macho o Grande Campeão, pelo segundo ano consecutivo, foi Urro FIV de Tabapuã, do expositor Fábio Zucchi Rodas, o Reservado Grande Campeão foi Cacife FIV da Gê 05, do expositor João Trivelato Neto e o Terceiro Grande Campeão foi  Joalheiro FIV de Tabapuã, do expositor Carlos Otto Laure e outros. Fábio Zucchi Rodas da Fazenda Água Milagrosa, recebeu o título de Melhor Expositor e Criador da 56ª  Expo Rio Preto.

Julio Laure, presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Tabapuã (ABCT), destacou o excelente número de animais e os exemplares que participaram da Expo. Todos representaram muito bem a raça Tabapuã, os criadores estão de parabéns, disse ele. 

O Tabapuã é uma raça brasileira, fruto de cruzamentos entre o gado mocho nacional e animais de origem indiana. É o terceiro neozebuíno a ser formado no mundo. Por ser o primeiro a surgir a partir de um planejamento específico, é considerado uma das maiores conquistas da zootecnia brasileira dos últimos cem anos. O Tabapuã desperta a atenção pela consistência da sua evolução. Entre os zebuínos de corte, assume a segunda colocação como maior número de registros de animais nascidos (RGN) pela ABCZ. 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação da Associação Brasileira dos Criadores de Tabapuã (ABCT)