Publicado em: Pecuária

A  Mafrig suspendeu o Programa de Qualidade Nelore Natural (PQNN), da Nelore do Brasil, que já está em busca de um novo parceiro para continuar o programa, que conta com 552 produtores cadastrados e 848 fazendas associadas em quatro estados do país. Confira o comunicado da entidade na íntegra:

 

COMUNICADO ACNB

A Associação de Criadores de Nelore do Brasil (ACNB), informa que, por decisão unilateral da Mafrig Global Foods, a operação do Programa de Qualidade Nelore Natural (PQNN) será suspensa em todas as unidades da empresa, a partir de hoje, 1 de fevereiro de 2019.

Esta decisão foi uma surpresa para ACNB, que lamenta, mas também aproveita a oportunidade para ressaltar os resultados positivos do PQNN. Atualmente o programa conta com 552 produtores cadastrados e 848 fazendas associadas em 4 Estados do país. Somente em 2018 este grupo forneceu 380.227 animais para abate.

 

A Diretoria da Associação já está em contato com outros grupos frigoríficos, visando a continuidade do atendimento dos participantes do Programa.

A ACNB continuará executando as ações de valorização da pecuária brasileira e reitera sua missão na divulgação das qualidades da carne Nelore – trabalho que vem sendo feito por meio das redes sociais, e permitem uma ampla repercussão e alcance de pessoas. Vamos continuar com o nosso grande objetivo, que é mostrar ao Brasil e ao Mundo que Nelore é a carne do Brasil.


ACNB – Associação de Criadores de Nelore do Brasil